Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

IV Fórum Estadual do Sistema Único de Assistência Social é realizado em Porto Alegre

Publicação:

-
-

Nesta quinta-feira (17/11), foi realizada a abertura do IV Fórum Estadual do Sistema Único de Assistência Social, no auditório da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). O evento tem como objetivos promover a mobilização e o fortalecimento dos Fóruns Municipais de Usuárias/os do RS, discutir sobre a política de assistência social, e eleger a nova coordenação do Fórum Estadual de Usuárias/os do SUAS do RS.

Estiveram presentes na mesa de abertura o representante da reitoria da PUCRS, Solimar Amaro, da Frente Parlamentar em Defesa do SUAS da Assembleia Legislativa do RS, Zé Nunes, da Frente Gaúcha em Defesa do SUAS, Rudinei Borges de Borges, do Fórum Estadual de Trabalhadoras/es do SUAS do RS, Angela Maria Aguiar, do Fórum Nacional de Usuárias/os do SUAS do Conselho Nacional de Assistência Social, Solange Bueno, a vice-presidenta do Conselho Estadual de Assistência Social do Rio Grande do Sul (CEAS-RS), Leila Thomassim, a convidada de honra, Honorábiles Reck Roberti, a representante do Fórum Estadual de Usuárias/os do SUAS do RS, Maria Lopes, e a secretária da SICDHAS, Marcia Pires de La Torre.

“O controle da sociedade exerce um papel muito forte nas políticas públicas. As normas e diretrizes que hoje celebramos são produtos da articulação e da participação dos que sonharam com uma política pública de assistência social brasileira nos importantes encontros das Conferências de Assistência Social. É assim, em encontros como o de hoje, que avançamos”, pontuou a secretária.

Outra fala importante da manhã foi de Honorábiles Roberti, que atua desde 1978 com a área da assistência social e reforçou o quanto lutar vale a pena. “A gente luta, vê tanta coisa, mas se consegue muito pouco. E o que se consegue tem sabor de vitória e, com isso, me sinto estimulada para continuar”. Já Maria Lopes salientou o papel do governo estadual e federal, que devem pensar em políticas públicas de defesa e garantia de direitos. “Precisamos vencer a burocracia. Lutem nos seus municípios, não se acovardem. Já vencemos muitas batalhas e temos que ser resistência”.

 Zé Nunes, em sua fala, destacou a importância dos usuários do sistema na condição de sujeitos, os quais devem participar ativamente nas decisões. A vice-presidente do CEAS-RS afirmou que a reconstrução da política de assistência social vai exigir muito de todos envolvidos e que é preciso ser firme na defesa dos direitos socioassistencias e dos usuários.

“É preciso sair desse encontro com um foco definido: estar juntos e lutar pelos direitos de todos os usuários, com investimento pesado na política de assistência social”, foi o recado de Angela Maria. Já Rudinei Borges frisou que a Frente Gaúcha não esmorece e segue firme na busca de direitos para os usuários e, Solimar Amaro salientou que este é o momento de cuidar do nosso povo.

Solange Bueno, por sua vez, reforçou que o encontro era o momento de eleger novos coordenadores para dar seguimento à defesa dos usuários. “Usuário organizado é a resistência nos territórios. É lá que precisamos colocar o que queremos. Temos que nos fortalecer. A luta é nossa, trabalhadores e conselheiros”.

O evento, que se estendeu durante todo o dia, contou com palestras, debates e momento de escuta dos usuários. Também foram apresentadas as alterações do Regimento Interno do FEUSUAS /RS para apreciação e deliberação.

 

SICDHAS - Secretaria da Igualdade, Cidadania, Direitos Humanos e Assistência Social