Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Plenária Charrua é realizada na Capital

Publicação:

Plenária Charrua aconteceu na aldeia Polidoro, em Porto Alegre
Plenária Charrua aconteceu na aldeia Polidoro, em Porto Alegre

Foi realizada nesta quarta-feira (23/11), em Porto Alegre, a Plenária Ampliada do CEPI da Etnia Charrua, na aldeia Polidoro, a única comunidade indígena dessa etnia no Estado. Sob comando do cacique Acuab, a comunidade vem tratando com a prefeitura da Capital sobre questões territoriais, ambientais, educativas e culturais ligadas às condições de vida do povo Charrua. A plenária contou também com a participação de representantes do poder municipal, do governo do Estado, por meio da Secretaria da Igualdade, Cidadania, Direitos Humanos e Assistência Social (SICDHAS), e do Conselho Estadual dos Povos Indígenas (CEPI), vinculado à SICDHAS.

Em 2022, vêm ocorrendo plenárias das quatro etnias indígenas do Estado – Kaingang, Guarani, Xokleng e Charrua. Nesses encontros, conselheiros e representados se reúnem para prestação de contas dos resultados alcançados e debate sobre o que ainda precisa ser feito para a melhoria da condição das comunidades. Essas plenárias são preparatórias para o Fórum da Cidadania dos Povos Indígenas, convocado a cada dois anos, e que será realizado em 2023.

O papel da SICDHAS é garantir o funcionamento e a organização das plenárias, dando apoio administrativo, técnico e financeiro necessário para que sejam garantidas e cumpridas as finalidades do CEPI.

No próximo dia 29 será realizada a 2ª Plenária Guarani, em Torres, com duração de cinco dias, reunindo as aldeias indígenas da etnia na região. A Plenária Kaingang já aconteceu neste ano e a Xokleng está prevista para ocorrer até janeiro de 2023, em São Francisco de Paula.

O encontro contou com a participação de integrantes do DDHC
O encontro contou com a participação de integrantes do DDHC
SICDHAS - Secretaria da Igualdade, Cidadania, Direitos Humanos e Assistência Social